12.set.15

Turquia, sobrevoei a Capadócia num balão



lembrancas-de-viagem

Embarquei com um grupo para a Turquia em novembro, em pleno outono do hemisfério norte. Encontrei uma Istambul totalmente diferente da última vez em que estive lá, em pleno verão. A cidade é sempre fascinante, tanto com a vista do Mar Negro como com a do Mar de Marmara. No verão é uma cidade vibrante, colorida e linda. Já no outono igualmente bela, porém bucólica e romântica. Visitamos as principais atrações: fizemos um lindo passeio de barco pelo Estreito de Bósforo, nos perdemos nas lojas do Grande Bazar e, depois dessas experiências, seguimos para conhecer o resto do país utilizando avião e ônibus.

barco

Fizemos o belo roteiro da Riviera Turca, por Kusadasi, Ismirna e Bodrum, cidades charmosas à beira mar, com ótimos hotéis. Me emocionei na visita de Éfeso, sobretudo na casa da “Nossa Senhora”, que é um reduto de paz e tranquilidade. Uma verdadeira viagem para alma.

2-meio

Finalizamos com a aventura de sobrevoar a Capadócia. Embarcamos logo cedo no tradicional passeio de balão. Muitas vezes os ventos fortes impedem o voo de balão, mas demos muita sorte, apesar do frio de 2 C graus pela manhã. Ao contrário do que se imagina, o passeio é tranquilo e não dá medo. A suavidade de se deslizar acima das “chaminés de fadas” com o céu azul do amanhecer, repleto de balões coloridos com outros turistas privilegiados como nós, foi simplesmente inesquecível. O passeio de sonho foi finalizado com a aterrissagem numa paisagem maravilhosa, com direito inclusive a champanhe e petiscos. Mais uma vez saí da Turquia e deixei meu coração na cidade dos minaretes! Acho que terei que voltar para matar a saudade em breve.

2-capa

Um-pouco-de-historia
A história da Turquia, assim como Egito, Grécia e Israel, começa antes da era cristã. As impressionantes ruínas de Éfeso, uma das mais bem preservadas cidades da antiguidade, próximas a Ismirna, ficaram célebres pelo tempo de Artemis, construída por volta de 550 a.C. Éfeso foi destruída e reconstruída pelo imperador Constantino. Na era imediata pós Cristo, os cristãos fugiram de Israel e se estabeleceram no território, deixando marcas como na Capadócia, que serviu de refúgio aos perseguidos. Foram escavadas na rocha maleável infinitas cavernas para residência, um lugar perfeito para esconderijo em tempos remotos. Hoje as cavernas foram transformadas em charmosos hotéis.

3-histo

A Turquia é um dos poucos países do mundo a estar em dois continentes: Istambul, por exemplo, está localizada uma parte no continente asiático e outra no europeu. O povo é hospitaleiro e, de certo modo, cosmopolita, pois gostam de conhecer novos povos, aprender línguas etc. Por séculos a população esteve sob vários domínios: bizantino, romano e, finalmente, Turco-Otomano. Hoje na era pós-Ataturk, o nacionalista que modernizou o país e proclamou República Laica em 1923, separando religião da política. Foi também sob tal processo de modernização que se adotaram leis europeias e o alfabeto romano. Ataturk é “o cara” na Turquia e sua foto está na maioria dos palácios e organizações públicas.

PB

O-que-visitar
Riviera Turca: Ismirna, Kusadasi e Bodrum
Trata-se da região banhada pelo Mar Mediterrâneo e Egeu, uma combinação de clima ameno, água do mar quente e montanhas com vários importantes sítios arqueológicos como Éfeso. Assemelha-se muito à Grécia, que está muito próxima. Muitos dos visitantes são passageiros dos navios que atracam por lá, vindos do circuito clássico de Cruzeiros pelo Mediterrâneo. Bares e restaurantes frente ao mar, mesas na calçada, ruas estreitas com muitas lojas e artesanato turco ou grego. Um verdadeiro paraíso com excelentes hotéis.

1-meio

Casa da Virgem Maria
Próximo a Éfeso se encontra a casa da Virgem Maria, onde supostamente viveu depois de se refugiar na Turquia. A casa foi descoberta no século XIX através de um livro, com a descrição obtida pelas visões de uma beata. O lugar é de uma paz impressionante: uma pequena casa de pedra no alto de uma colina, cercada por arvores lindas. Dentro, ouve-se uma suave música sacra que torna o lugar perfeito para a meditação.

Virge

Pamukkale:
Famosa pelas formações rochosas de pedra calcária, que formam pequenas lagoas, conhecidas como Castelo de Algodão, em alusão a cor predominante branca.

1-deusa--pamu

Capadócia:
Sem dúvida, o ponto alto da viagem à Turquia é a Capadócia e os passeios de balão. O lugar tem paisagem lunar, única no mundo. A natureza esculpiu nas rochas brancas, de origem vulcânica, formações com aspecto de cones que se elevam do solo e são conhecidas como “chaminés de fadas”. Pode-se visitar as primeiras igrejas católicas improvisadas, feitas nas cavernas com pinturas antigas. Hoje o lugar está repleto de excelentes hotéis, sendo que a maioria está situada em cavernas que foram adaptadas. Certamente um dos mais belos pontos turísticos turcos.

3-caapa

Istambul:
Antes chamada de Constantinopla, em homenagem ao Imperador Constantino, hoje Istambul tem muito o que se visitar. A principal atração é a Mesquita Azul, ícone do país que conta com seus 6 minaretes e vitrais coloridos. No horizonte de Istambul, o que domina a paisagem são os muitos minaretes. Assim, é possível se lembrar que o país é majoritariamente muçulmano.
A Basílica de Santa Sofia, também conhecida como Hagia Sophia, é um imponente edifício construído entre 532 e 537 pelo Império Bizantino para ser a catedral de Constantinopla.

2-hagiaistam

O Palácio de Topkapi, que significa “porta do canhão” e foi construído por Mehmet II, o conquistador, logo após a conquista de Constantinopla em 1453, foi residência de sultões por três séculos e é imperdível. Há ainda a Cisterna de Basílica, Torre de Galata, Praça Taksim, Bazar das Especiarias e muitas outras atrações. A viagem à Turquia também é marcada por histórias de compras: o Grande Bazar de Istambul é um paraíso para os viajantes com quase 4000 lojas, além das muitas outras ao redor.

5-istamb

Onde-ficar
Istambul – Hotel Four Seasons Instanbul

1-four

Istambul – Hotel Ciragan Palace Kempinski

1-ciragan

Istambul – Pera Palace Hotel Jumeirah

1-pera

Capadocia – CCR Hotel&SPA

1-ccr

Capadocia – Hotel Museum Cappadocia

1-museum

Bodrum – Hotel Kempinski

1-kempi

Melhor-epoca
O verão, primavera e outono são as melhores épocas. O inverno é uma época interessante, mas o clima com muitos ventos pode impedir o voo de balão na Capadócia.

Dicas-imperdiveis
– Compras: melhor deixar para o último dia devido ao peso extra durante a viagem;
– Compre um casaco de pele de carneiro, fino e ultra confortável, e um verdadeiro tapete oriental;
– Aprenda a pechinchar no Grande Bazar. Isso faz parte da tradição;

DICA1

– Use e abuse dos chás de maçã, uma delícia;
– Utilize os serviços de uma operadora com guia em português. Vários profissionais de turismo no país falam fluentemente nossa língua e tornam as visitas muito mais proveitosas. Em geral os turcos têm facilidade com idiomas;

DICA2

– Se delicie com a culinária turca;
– Experimente um banho turco, mas dê preferência a um SPA de hotel de luxo.

DICAFINAL

Para compra de moeda estrangeira é importante conhecer uma empresa de confiança, eu indico a COTAÇÃO. As melhores soluções de câmbio, com mais de 10 moedas de diferentes países: Dólar Americano, Canadense, Australiano, Euro, Libra Esterlina entre outras. O melhor de tudo, é possível optar para Delivery, para receber confortavelmente na sua casa ou escritório. Negocie para obter a melhor taxa e escolha por uma das formas de compra:

Comprar online ou Solicitar Contato –  Você receberá uma ligação da Cotação para efetivar sua operação.  Cotação Câmbio

Categorias: Ásia, Europa, Experiências

Postado por:

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2018 Deusa Rodrigues | Todos os Direitos Reservados

Direitos autorais: todos os textos são autorais e as fotos a maioria são autorias e outras cedidas por hotéis e representações para esse blog/site. Nenhuma parte desa publicação poderá ser reproduzida, copiada, armazenada em sistema digital ou transferida por qualquer meio eletrônico, fotocópia, mecânico, etc. sem que haja permissão por escrito emitida por esse Blog Deusa Rodrigues - viagens e lua de mel