Deusa Rodrigues - Travel Agent

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

05.jun.19 - atualizado em 29.ago.20



Nos arredores da cidade de Cape Town está um dos melhores passeios da África do Sul, o Cabo da Boa Esperança, ou Cape Point.

O visual da região é espetacular de cima do penhasco. As estradas do Cabo são consideradas como uma das mais bonitas do mundo. Os campos são cobertos de vegetação rasteira e flores nativas, as Bromélias.

Na região do Cabo da Boa Esperança estão também outros passeios imperdíveis: Praia dos Pinguins, Boulders Beach, Hout Bay, vinícolas e muito mais.

Eu tive o privilégio de retornar e posso assegurar é uma das melhores experiências de viagem. Confira as minhas dicas de viagem.

Você vai gostar de conhecer mais sobre:
Cape Town roteiro pela cidade mais bonita da África do Sul.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Johannesburg – entrada da África do Sul

Johannesburg é a porta de entrada da África do Sul, para voos do Brasil. De lá segue voos para Cape Town, para conhecer a região do Cabo da Boa Esperança.  Há conexões imediatas não sendo necessário a hospedagem.

Para quem desejar conhecer um pouco mais Johannesburg,  há várias opções hotéis e compras. Um dos principais atrativos é a praça Nelson Mandela, um dos pontos de encontro da cidade.

Que tal conjugar a viagem com outro país do continente? Confira o post: Aventuras do continente africano.

Cruzar o Cabo da Boa Esperança

Quantas vezes já ouvimos a frase: Cruzar o Cabo da Boa Esperança. Essa referência remonta à época das grandes navegações, em que os portugueses cruzavam o ponto extremo do continente africano, em busca de especiarias na Índia.

O ponto do encontro do Oceano Atlântico e Índico, ficou conhecido como Cabo das Tormentas devido aos vários naufrágios. Foi rebatizado pelo rei de Portugal, como Cabo da Boa Esperança. 

Hoje além da beleza do lugar com o mar e montanhas a perder de vista, tem o valor histórico.

O penhasco do Cabo da Boa Esperança tem semelhanças com o Cabo da Roca, confira no post: Pontos turísticos de Portugal.

Tour – Cabo da Boa Esperança

A melhor maneira de conhecer o Cabo da Boa Esperança é fazer um Tour a partir de Cape Town. Há opções de passeios que conjugam outras atrações da região. Esta é uma atividade de dia inteiro, em geral a saída é 08h30 da manhã e chegada de volta à Cape Town às 19h00.

Entre neste link para fazer a reserva online: Passeio Cape Point e pinguins.

O Cabo da Boa Esperança faz parte do Table Mountain National Park. Está em um local de rochas escarpadas e penhascos íngremes, com 200 metros acima do nível do mar.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Se chega através de um funicular, depois há uma pequena escada, cujo esforço é compensado pela beleza do lugar. No topo está um farol desativado e uma plataforma para observação. Lembra um pouco o passeio do Cristo Redentor no Rio de Janeiro.

Eu gostei de observar o marco do Cabo da Boa Esperança com placas indicativas e saber das distâncias entre cidades do mundo. O nosso Rio de Janeiro está ha 6.055 quilômetros da África do Sul.

Do alto do platô de observação o visual é muito impactante. Há muito vento na região, o que dificulta um pouco para fazer fotos e videos. Esse é um dos pontos altos de uma viagem para a África do Sul, assim como também o passeio de Table Mountain.

Experiências no Cabo da Boa Esperança

Como se trata de um parque nacional é possível encontrar babuínos pela região. Eu vi uma cena impressionante, quando um Jeep com turistas europeus começaram a desembarcar, com mochilas e sacolas, um babuíno esperto puxou a sacola de um deles e encontrou uma garrafa Pet de refrigerante. O macaquinho então com certa habilidade pressionou a garrafa, até que furou e ele tranquilamente bebeu o líquido.

A cena foi engraçada e a dica é ter cuidado com alimentos em sacolas ou bolsas. Os turistas também adoram fazer fotos dos babuínos.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Caminhada pelo penhasco

No retorno da visita ao Cabo da Boa Esperança, há possibilidade de voltar no transporte utilizado, ônibus ou carro ou descer por uma trilha. Essa uma caminhada pelo penhasco com linda vista do mar pode ser feita em aproximadamente 30 minutos. No começo da trilha há passarela de madeira, porém na continuação fica mais rústico, com pedras no caminho.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Confira outros destinos do continente no post: O que fazer na Namíbia.

Cape of Good Hope – placa do Cabo da Boa Esperança

Na caminhada pelo penhasco do Cabo da Boa Esperança, o grau de esforço é médio e o prêmio é chegar na placa, Cape of Good Hope. Eu fiz essa caminhada só recomendo para quem estiver com bom preparo físico, o que não foi eu meu caso.

Booking.com

Cheguei a praia cansada mas feliz com o visual e pude mais uma vez tirar a foto clássica para registrar a visita. Esse é um lugar especial da viagem para o Cabo da Boa Esperança.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Praia dos Pinguins – Boulders

Os passeio ao Cabo da Boa Esperança, seguem para Simon´s Town, a praia de Boulders, é o paraíso dos pinguins. Esse lugar encanta adultos e crianças para observar esses animais tão de perto.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

No passado começou com apenas um casal de pinguins na época da procriação. Com o passar do tempo, a praia foi tomada por outros casais de pinguins que se instalaram definitivamente.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Hoje é área de preservação, com um pequeno museu e lanchonete. Os turistas percorrem uma passarela de madeira cercada, para se posicionarem próximos dos animais. Os pinguins tomaram conta da pequena praia. O local rende boas fotos.

No retorno para o transporte, a dica é passear pela rua lateral, onde há lanchonetes e venda de artesanato, com peças muito originais.

Se você gosta da fauna, confira também o post: Animais da África – safáris fotográficos e experiências.

Jardim Botânico – Kirstenbosch

Do lado oposto da Montanha da Mesa está o Kirstenbosch National Botanical Gardens. Considerado um dos mais completos do mundo com mais de 6000 espécies. Há diversas rotas a percorrer no imenso jardim, o ideal é ter tempo para aproveitar o passeio.

A bromélia símbolo da África do Sul, é uma das atrações, a flor está presente na Rota Jardim do sul da África.

O Jardim Botânico conta com lanchonete e restaurantes, é possível passar o dia por lá.

Se gosta da natureza, acompanhe sobre o primeiro Jardim Botânico do Brasil, no post: Lua de Mel no Rio de Janeiro.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Hout Bay – focas e artesanato

Hout Bay é uma baia de onde partem barcos para observar as focas. A paisagem é muito bonita principalmente da estrada. Há lojas, restaurantes como o Marine´s Wharf e lanchonetes.

 

O interessante é a feira de artesanato com barracas frente ao mar. Os objetos africanos são coloridos e ótimos preços. Os preços das barracas são melhores que das lojas de Cape Town. Eu comprei peças belíssimas para decoração.

Uma dica importante, o horário por volta das 10h00 às 14h00 é melhor, porque a região está mais movimentada. A visita a Hout Bay também pode ser conjugada com o Cabo da Boa Esperança.

Cabo da Boa Esperança e região: praia de pinguins, vinícolas, etc.

Praias – Camps Bay, Sea Point, etc

A praias de Camps Bay, Clifton, Bantry Bay e Sea Point tem belas paisagens, porque unem o mar e as montanhas ao fundo. As residências são de alto padrão e ficam nos penhascos, com vista para o mar.

Há vários hotéis, restaurantes e lanchonetes nessa área. Para ficar hospedado nessa região é para curtir praia, pois está um pouco mais afastado do centro turístico de Cape Town.

A dica é caminhar pela praia no final da tarde, ver o pôr do sol e curtir o visual.

No verão a água das praias podem ficar ainda mais fria, devido as correntes marítimas do Polo Sul, quando há o degelo.

Winelands – região das vinícolas

A região do Cabo tem inúmeras vinícolas que produzem um vinho da melhor qualidade, classificados entre os melhores do mundo. A área é propícia para o cultivo devido a posição geográfica próxima do mar e por ter terrenos férteis.

Os tours unem a experiência da degustação, em meio a belos cenários de montanhas. É possível fazer um passeio de dia inteiro a partir de Cape Town. O distrito de Constantia é uma ótima opção, pois está bem próximo de Cape Town, para quem não dispõe de muito tempo na viagem.

Outra possibilidade é visitar Stellenbosch ou Franschhoek e se hospedar por lá, ou também fazer um passeio de dia inteiro. Essas pequenas cidades, tem restaurantes renomados, hotéis boutiques e alguns integrados às vinícolas. As duas cidades são charmosas e além da degustação há possibilidade de compras de produtos locais.

Booking.com

Na América do Sul, também tem tours semelhantes, acompanhe o post: Vinícolas do Chile.

Essa linda região é destino também de: Lua de Mel na África do Sul.

Safáris – na região do Cabo

Os safáris mais famosos estão no Kruger National Park, no entanto em outras regiões também é possível encontra-los. Na região do Cabo, há algumas opções como o Aquila Private Game Reserve, distante duas horas de Cape Town.

Outra opção bacana é voar de Cape Town à cidade Port Elizabeth e conhecer o Shamwari Game ou  Parque Nacional Addo Elephant.

Booking.com

Eu estive no safári e recomendo.

Você vai gostar de conhecer outras regiões da África nos posts:
Viagem à Zâmbia e Chobe..
Tanzânia o que fazer.

Outros atrativos da região

A Table Mountain é o cartão postal de Cape Town, tão impactante quanto o Cabo da Boa Esperança. Ela domina a paisagem e pode ser vista de vários ângulos da cidade. Pode-se acessar através de um funicular envidraçado que gira 360 graus. Foi inaugurado em 1929 e está a 1085 metros acima do nível do mar.

Há diversas trilhas a percorrer no topo da Table Mountain. É uma ótima opção para passar o dia, há restaurante, café, gift shop, além de um lounge com Wifi Free. É possível fazer fotos e enviar para as redes sociais em tempo real. Quando está encoberta pelas nuvens, dizem que a mesa está posta.

O Victoria & Alfred Waterfront é o outro atrativo e o ponto mais agitado de Cape Town. As antigas docas da área portuária foram transformadas e remodeladas em um charmoso centro comercial e cultural. As várias atrações estão à beira-mar: Shopping, hotéis, muitos restaurantes, bares, cafés, lojas e boutiques, museus, aquário, etc.

Custo benefício da viagem

A viagem à Cape Town e região do Cabo da Boa Esperança, tem ótimo custo benefício. Os preços de alimentação, transporte, passeios e compras são semelhantes ao Brasil. Os vinhos são de excelente qualidade e também com ótimos preços.

A beleza natural é incrível  e o custo da passagem aérea e hotéis são convidativos. O aplicativo Uber é seguro e prático. Viajei sozinha com tranquilidade pelo país. E uma semana de viagem haverá muitas experiências para contar.

Como chegar a região

Para chegar à África do Sul até fevereiro de 2020 a melhor maneira era voos diretos com a  South African Airways. No entanto a companhia aérea da África do Sul não opera mais no Brasil, somente dentro do continente africano.

A partir de Johannesburg, com a South African Airways pode-se conectar a vários países. O serviço de bordo é sempre regado com Licor Amarula e com vinho da África do Sul, excelente qualidade. Eu tenho experiência em voar pelo mundo e posso assegurar que a South African Airways é uma das melhores companhias aéreas.

Entre neste link para pesquisar e comprar as passagens aéreas para a África do Sul.

Lua de mel na África do Sul: aventura, safáris e natureza

Destaque para o ótimo serviço de bordo com ótimas opções, os itens do amenity kit e a programação de entretimento e filmes. Isso faz a diferença, em voos internacionais.

Veja também: Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

Onde se hospedar – Cabo da Boa Esperança

O ideal é se hospedar na Cidade do Cabo, Cape Town e fazer um passeio de dia inteiro para o Cabo da Boa Esperança. Veja as ofertas de hotéis:

Booking.com

Acompanhe algumas dicas de hotéis.

Signature Lux Hotel by Onomo
Este hotel de Cape Town tem ótimo custo benefício de preço, além da ótima localização no Waterfront. É possível visitar a área turística a pé.

Ellerman House Hotel – esse é um hotel boutique e exclusivo, localizado nos penhascos. Tem ótima vista de Cape Town. Foi uma residência de luxo que foi totalmente remodelada, conta com alguma obras de arte na propriedade.

Lua de mel na África do Sul: aventura, safáris e natureza

Radisson Blu Waterfront – está frente ao mar, o hotel está em Mouille Pont,  próximo ao Waterfront, porém com necessidade de transporte. O destaque do hotel é a piscina de frente para o mar com borda infinita.

Dicas para o Cabo da Boa Esperança

Importante, a África do Sul, exige Vacina de Febre Amarela. Consulte também o post: Dicas para Viajar.

Quando fizer o passeio ao Cabo da Boa Esperança e região, o ideal é tomar um bom café da manhã, porque haverá muitas atividades e o dia será intenso.

Vá com agasalho, porque venta muito, mesmo no verão.

Cuidado com os babuínos, são espertos e sentem o cheiro de comida na mochila dos turistas.

Compre lembrancinhas da África do Sul, no gift shop do Cabo da Boa Esperança ou em Hout Bay e na Praia dos Pinguins.

Se “bater a fome”, almoce no restaurante do Cabo da Boa Esperança – Two Oceans Restaurant. Se não tiver tempo suficiente há bons sanduíches na rua da Praia dos Pinguins.

Que tal um jantar africano com tambores? Reserve a experiência.

A  viagem para a África do Sul pode ser combinada com outros países da região. Confira o post: Viagem para Botswana, Delta do Okavango.

Serviços – Cabo e região

Compre o passeio para o Cape Point e Praia de Pinguins, Boulders Beach.

Reserve e compre o safári no link.

Você pode reservar e comprar um tour pela região do Cabo com degustação de vinhos.

Pesquise e compre seu ingresso para conhecer a Península do Cabo.

Já fez Seguro Viagem?

Um item fundamental para a segurança, entre no link para comparar empresas e preços para fazer a reserva do Seguro Viagem online.

Por que fazer seguro viagem? Imprevistos podem acontecer.

O Blog Deusa Rodrigues tem diversas parcerias de serviços. Se você usar os links abaixo nos auxiliará a manter o site. Não pagará mais por isso e em alguns casos há descontos, promoções e entregas a domicílio.

  • 🏨 Reserva de hotéis – parceria com Booking, clique aqui.
  • 🏡 Aluguel de casas e apartamentos – parceria com Airbnb, clique aqui.
  • ✈ Passagens aéreas e pacotes de viagem – parceria com Viajanet, clique aqui.
  • 🎫 Ingressos: Disney, parques temáticos, musicais da Broadway e tours. Parceria com RCA Operadora oficial, com clique aqui.
  • 🚗 Aluguel de carros. Parceria com Rentcars - clique aqui.
  • 🚌 Excursões e ônibus hop-on hop-off. Parceria com Get Your Guide clique aqui.
  • 🏥 Seguro viagem. Parceira com Seguros Promo, Cupom de desconto DEUSA5, clique aqui.
  • 📱 Chip para celular – Viaje Conectado. Parceria com a Seguros Promo clique aqui.
  • 💵 Câmbio de moedas. Parceria Confidence Câmbio clique aqui.
  • 📚 Associado Amazon – compras online, entrega rápida, clique aqui.
  1. Muito bom Deuza!! Referência!

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2020 Deusa Rodrigues | Todos os Direitos Reservados

Direitos autorais: todos os textos são autorais e as fotos a maioria são autorias e outras cedidas por hotéis e representações para esse blog/site. Nenhuma parte desa publicação poderá ser reproduzida, copiada, armazenada em sistema digital ou transferida por qualquer meio eletrônico, fotocópia, mecânico, etc. sem que haja permissão por escrito emitida por esse Blog Deusa Rodrigues - viagens e lua de mel