Deusa Rodrigues - Travel Agent

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

23.jun.19 - atualizado em 23.nov.20

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

A viagem para África do Sul tem atraído cada vez mais brasileiros. O país tem muitas experiências e belas paisagens. Em qualquer planejamento de viagem um dos itens mais importantes é a rota e a escolha da companhia aérea para se chegar ao destino.

Eu escolhi voar com a companhia sul-africana para minha última viagem, no entanto a South African deixou ter voos do São Paulo para Johannesburg desde 29 de fevereiro de 2020. A companhia continuará com voos para Cape Town e outros destinos do continente africano.

Agora há outras opções para chegar à África. Confira como foi voar com a South African Airways, dicas e detalhes.

Entre neste link para pesquisar e comprar passagens aéreas para a África.

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

Check-in South African Airways

Em São Paulo, o check-in da companhia South African Airways era realizado no terminal três de Guarulhos. A franquia de bagagem para a classe econômica eram duas peças de 32 kg cada. A mala era despachada para Johannesburg, onde era feita a imigração.

Leia também sobre: África do Sul safáris surpreendentes.

Amenity kit e entretenimento a bordo

No embarque dos voos internacionais, a South African Airways oferece cobertor, fones de ouvido e amenity kit com: escova e mini pasta de dente, meias e tapa olhos. Quanto ao entretenimento de bordo, há canais de filmes, notícias e jogos. O voo de 8 horas foi bem tranquilo. Eu consegui ver filmes atuais e ainda dormir.

Serviço de bordo – South African Airways         

 No momento atual em que a maioria das companhias aéreas economizam no quesito serviço de bordo, a South African Airways surpreende.

A comida é saborosa e o destaque é para as bebidas, estão incluídos os excelentes vinhos sul-africanos e o licor Amarula. Passageiros que fazem safáris na África do Sul, aprendem nas savanas sobre a árvore e os frutos que dão origem ao famoso licor Amarula, tão apreciado pelos elefantes.

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

Com esses detalhes os clientes já começam a se sentir na África do Sul. Nos voos domésticos entre Johannesburg e Cape Town também há refeições grátis, diferente do Brasil.

Saiba mais sobre: Os animais da África e os safáris fotográficos.

Aeroporto O.Tambo – bagagem

Na chegada no Aeroporto Internacional Oliver Tambo em Johannesburg é feita a imigração, os procedimentos legais de verificação de passaporte e vacina contra febre amarela. Posteriormente segue-se para a ala de retirada a bagagem nas esteiras.

O lugar é amplo e bem sinalizado, com a procedência do voos. Há uma vistoria de bagagem, feita pela polícia do aeroporto por amostragem. Nesta viagem à África do Sul eu tive que abrir a mala e mostrar novamente o passaporte.

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

Para conexão para Cape Town, há um balcão da South African Airways somente para o recheck-in. O balcão fica a esquerda da saída do desembarque. É muito prático entregar a mala e depois seguir para o andar superior para o embarque no Terminal B Departures.

Booking.com

A área de restaurantes e lanchonetes é boa e bem variada.

Outro detalhe importante, no retorno da viagem, a área onde estão as salas de embarque há diversas lojas de decoração, roupas e variedades, que são ótimas opções de compras de produtos africanos.

Veja como foi minha experiência de viagem com a South African Airways para: Cape Town a cidade mais bonita da África do Sul.

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

Hospedagem em Johannesburg

Para quem vai se hospedar em Johannesburg, pode contar com o trem moderno e rápido construído para a Copa do Mundo. O Gautrain tem embarque no aeroporto de Johannesburg, no andar superior e leva os passageiros ao bairro de Sandton, onde estão os melhores hotéis.

Booking.com

Conexões para o Kruger National Park

Do aeroporto de Johannesburg, há voos para uma das áreas mais famosas de safáris, o Kruger National Park. Em geral são aeronaves menores que atendem os dois aeroportos da região. Em cada aeroporto há traslados específicos, para os mais variados Lodges, ou hotéis nas savanas, especializados em safáris. Veja abaixo sobre o que visitar na África do Sul.

Confira os ofertas de hotéis do Kruger National Park

Booking.com

South African Airways – equipamento

A South African Airways é carinhosamente conhecida como SAA. Ela operava com 7 vôos semanais, de Guarulhos para a África do Sul. A rota Guarulhos – GRU para Johannesburg – JNB foi operada majoritariamente pelo Airbus A330-200.

Já na rota JNB-CPT são utilizados diversos modelos de aeronaves, variações do Airbus, incluindo o A330-300, que é a aeronave mais nova atuando nas rotas da SAA.

O modelo foi introduzido no fim de 2016 e durante a alta temporada, também faz alguns voos na rota GRU-JNB. A SAA em 2019 completou 50 anos de operação não Brasil. Em fevereiro de 2020 interrompeu o serviço aéreo entre África do Sul e Brasil. No período pós pandemia algumas modificações podem ocorrer.

Conexões para o continente africano

Os africanos chamam Johannesburg por Joburg, uma cidade grande e agitada. De lá é possível chegar a muitos países, conectados a partir do hub da SAA, principalmente na região conhecida como África Subsaariana -centro-sul do continente Africano. Os principais destinos voados na África a partir de Johannesburg são:

Booking.com

Cape Town, Port Elizabeth, Durban, Hoedspruit e Mpumalanga (regiões de safári), Ilhas Mauritius, Maputo – Moçambique, Nairóbi – Quênia, Dar Es Salaam – Tanzânia, Acra – Gana, Lagos – Nigéria, Luanda – Angola, Dacar – Senegal, entre muitos outros.

Veja outro post sobre: As aventuras do continente africano.

Conexões para Ásia

Para a Ásia, a SAA voa diretamente para Hong Kong e a partir de setembro de 2019, também irá operar diretamente para Guangzhou, na China. A partir desses dois destinos, a SAA conecta para diversos destinos através de acordos com companhias aéreas parceiras da SAA.

Que tal conhecer a China ? Veja o melhor da China.

Custo benefício – viagem e tarifas

 Na África do Sul o custo de vida é semelhante ao Brasil, portanto os gastos com alimentação, passeios e aéreos são atrativos. Além disso as tarifas aéreas também são menores que as passagens para o hemisfério norte – Estados Unidos e Europa. A South African Airways é também parceira do Smiles, uma vantagem na questão de milhas.

Faça a pesquisa e reserva de passagens aéreas com a South African Airways neste link.

Voar com a South African Airways – dicas e detalhes

O que conhecer na África do Sul

Um dos países mais incríveis para visitar, pois oferece paisagens e experiências diversas. Há safáris incríveis na savanas, cidade cosmopolita, passeios e grandes paisagens no sul.

Johannesburg – entrada da África do Sul

Johannesburg é a porta de entrada da África do Sul, para voos internacionais. De lá segue voos para outros lugares de interesse como Kruger National,  Cape Town, Durban e demais regiões.

Para quem desejar conhecer um pouco mais, Johannesburg é cosmopolita, com muitos prédios, hotéis e opções de compras. Um dos principais atrativos é a praça Nelson Mandela, que é dos lugares mais visitados.

Conheça também os atrativos de outros países do continente, no post: Viagem para Tanzânia e Kenya.

Cape Town – a região bonita do sul

A cidade de Cape Town, é ideal para os amantes de natureza. O roteiro de viagem para Cape Town, a cidade mais bonita da África do Sul deve incluir também as atrações da região. A Table Mountain, Montanha da Mesa,  é uma das Sete Maravilhas da Natureza, domina a paisagem.

Visitar o Cabo da Boa Esperança também é imperdível, não só pela beleza, bem como pela história. As estradas com vista para o mar e as montanhas são espetaculares. Aliado a tudo isso está a gastronomia e vinhos da melhor qualidade, com preços justos.

Saiba mais sobre uma das mais bonitas regiões: O Cabo da Boa Esperança.

Complexo de Sun City – oásis

O Complexo de Sun City é uma área verde com 4 hotéis, piscina de ondas, cassinos, restaurantes, bares, boutiques, lago e campo de golfe. Está à duas horas de carro de Johannesburg, próximo à cidade de Pretória. É uma excelente opção para relaxar antes de seguir para o safári na área do Kruger Park. Observar o campo de golfe verde no meio da região árida é surpreendente.

 

África do Sul safáris surpreendentes, paisagens e beleza

Kruger Park – safáris

Os melhores safáris estão na região do Kruger National Park, com muitos Lodges, como são chamados os hotéis da região dos safáris. São muitas opções a escolher desde luxuosos Lodges integrados a natureza até os mais simples.

Os safáris estão no Kruger Park ou regiões vizinhas, no entanto em estão presentes também na região central de Pillanesberg ou no sul do país.

Onde se hospedar na África do Sul

Hotéis

A África do Sul é muito bem servida de hotéis em todas as regiões turísticas. Para reservas de hotéis na África do Sul, entre neste link.

A incrível região do Cabo, tem propriedades para todos os orçamentos, saiba mais no post: Hotéis em Cape Town no Waterfront e região.

Aluguel de Casas e Apartamentos

Uma tendência atual é a hospedagem com Aluguel de Casas e Apartamentos, uma parceria do Blog Deusa Rodrigues com a Airbnb.

Sobre a África do Sul

O extremo do continente africano, ficou conhecido como Cabo das Tormentas, devido aos inúmeros naufrágios em consequência das águas agitadas e dos ventos no encontro dos Oceanos Atlântico e Índico. O rei de Portugal, para incentivar os navegadores, mudou o nome para Cabo da Boa Esperança.

Nessa época, a região era habitada pelos povos Khoisan, Xhosa, Zulu entre outros. Em 6 de abril de 1652, Jan Van Riebeeck, da Companhia Holandesa das Índias Orientais, promoveu a colonização da região e fundou a Cidade do Cabo no sul do continente, no sopé da Montanha da Mesa. Depois em 1795 vieram os britânicos e assim se formou o país África do Sul.

A cidade do Cabo e região é um destino de lua de mel. Leia mais em: Lua de Mel em Winelands e Rota Jardim.

Do Apartheid aos dias atuais

Já no século XX, o país esteve por muito tempo sob o regime racista do Apartheid e foi o líder Nelson Mandela um dos responsáveis em transformar a África do Sul em um pais mais igualitário. Ainda há muito o que fazer, mas atualmente negros e brancos tem os mesmos direitos.

O país passa por grandes transformações. Quanto a oferta de turismo com o evento da Copa do Mundo, vieram novidades quanto a oferta hoteleira e serviços em geral. Hoje é um país em crescimento com grande atrações para atrair visitantes.

Livros que inspiram

Uma das dicas para aproveitar a viagem é ter informações prévias sobre os lugares as serem visitados. A minha sugestão é ler sobre o continente africano, com os livros abaixo relacionados, uma parceria do Blog Deusa Rodrigues como associado da Amazon:

O destino da África: Cinco mil anos de riquezas, ganâncias e desafios.
História da África.

O que vestir na África do Sul

Quanto as roupas para safáris, recomenda-se calça e camisa de manga comprida, em cores suaves na tonalidade caqui, bege ou  marrom para mesclar com a savana.

No verão recomendam-se roupas leves e que possam ser vestidas sobre as outras, além de um casaco. Uma das peças mais versáteis é a calça que vira bermuda. Você pode adquirir na Amazon, uma parceria do Blog Deusa Rodrigues como associado: Calça-Bermuda Trail Eco50+

Usar sempre tênis ou botas com meia, lenço no pescoço e chapéu ou bonés para proteger do sol.

Nas regiões de safáris, no inverno pela manhã e à noite é frio, há necessidade de roupas térmicas ou casaco, mas durante o dia a temperatura sobe devido ao clima de semideserto das savanas.

Você vai gostar de ler também sobre: Viagem para Botswana e o Delta do Okavango.

Dicas de viagem para África do Sul

A África do Sul exige vacina de febre amarela para os brasileiros. Conheça também os procedimentos importantes em: Dicas para viajar.

Uma vez decidido o destino, fazer reservas e emissão de passagem com antecedência.

Visitar a praia de Pinguins no retorno do passeio ao Cabo da Boa Esperança.

Em Hout Bay, fazer o tour de barco para conhecer a ilha das focas, na região do Cabo da Boa Esperança.

Comprar o belo artesanato local na região do Cabo. As peças para decoração nas lojas do Waterfront são imperdíveis.

Cuidado com os babuínos no Cabo da Boa Esperança: eles costumam pegar comidas e guloseimas dos turistas.

Comprar o delicioso chá Rooibos Tea 100% orgânico, muito popular também na versão “caffeine free” para o chá das Cinco.

Degustar um licor de Amarula no lobby do hotel depois do jantar. Durante os safáris é possível observar a árvore e a frutinha.

Tomar uma taça de vinho ao pôr do sol num dos safáris fotográficos.

O Blog Deusa Rodrigues tem diversas parcerias de serviços. Se você usar os links abaixo nos auxiliará a manter o site. Não pagará mais por isso e em alguns casos há descontos, promoções e entregas a domicílio.

  • 🏨 Reserva de hotéis – parceria com Booking, clique aqui.
  • 🏡 Aluguel de casas e apartamentos – parceria com Airbnb, clique aqui.
  • ✈ Passagens aéreas e pacotes de viagem – parceria com Viajanet, clique aqui.
  • 🎫 Ingressos: Disney, parques temáticos, musicais da Broadway e tours. Parceria com RCA Operadora oficial, com clique aqui.
  • 🚗 Aluguel de carros. Parceria com Rentcars - clique aqui.
  • 🚌 Excursões e ônibus hop-on hop-off. Parceria com Get Your Guide clique aqui.
  • 🏥 Seguro viagem. Parceira com Seguros Promo, Cupom de desconto DEUSA5, clique aqui.
  • 📱 Chip para celular – Viaje Conectado. Parceria com a Seguros Promo clique aqui.
  • 💵 Câmbio de moedas. Parceria Confidence Câmbio clique aqui.
  • 📚 Associado Amazon – compras online, entrega rápida, clique aqui.

Categorias: África, África do Sul, Aventura

Postado por:

Deixe o seu comentário!

Copyright © 2020 Deusa Rodrigues | Todos os Direitos Reservados

Direitos autorais: todos os textos são autorais e as fotos a maioria são autorias e outras cedidas por hotéis e representações para esse blog/site. Nenhuma parte desa publicação poderá ser reproduzida, copiada, armazenada em sistema digital ou transferida por qualquer meio eletrônico, fotocópia, mecânico, etc. sem que haja permissão por escrito emitida por esse Blog Deusa Rodrigues - viagens e lua de mel